Please reload

ESPORTE E SUSTENTABILIDADE

7 Nov 2017

 

 

 O esporte tem papel extremamente importante no desenvolvimento sustentável da sociedade. Seja por seu aspecto educacional, inclusivo, da saúde, ou por proporcionar bem estar de seus praticantes. Cada vez mais se discute sobre o investimento em políticas públicas no esporte para a formação, não de atletas profissionais, mas de cidadãos conscientes.

 

 O esporte surge na vida de muitas crianças e adolescentes de comunidades carentes, como pretexto para fugir da falta de oportunidades, que muitas vezes acaba os induzindo ao caminho do crime, do tráfico de drogas e da violência em geral.

 

 A Organização das Nações Unidas considera o esporte um importante caminho para o desenvolvimento sustentável da sociedade. No último dia 31, terça-feira passada, o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF Social) realizaram um seminário sobre o esporte como ferramenta para a construção da paz, especialmente em comunidades vulneráveis. O encontro contou com representantes do município do Rio de Janeiro, de organizações internacionais e do terceiro setor. Durante o evento foi discutido sobre o Projeto Gol do Brasil, desenvolvido pela CBF Social, que viabiliza a formação esportiva para jovens e crianças.

 

 No dia 04 de Novembro, aconteceu na Praça Cláudio Coutinho, no Leblon, o Payback, evento de basquete 1x1, idealizado pelo atleta campeão mundial pelo Flamengo, Daniel Lorio junto à Agência SOMAR, com o intuito de fomentar o viés educacional, cultural e inclusivo do esporte entre crianças, jovens e atletas. Uma competição repleta de dribles desconcertantes que uniu entretenimento e sustentabilidade. Materiais escolares foram arrecadados para serem doados aos projetos sociais esportivos ligados ao evento, e clínicas funcionais com técnicos profissionais e jovens de comunidades foram realizadas. Nos intervalos tivemos atividades lúdicas e partidas rápidas entre mulheres, cadeirantes e famílias, um show incrível do grupo de dança de rua, Dance In Rio e apresentação do rapper WC. O vencedor do primeiro Payback, Vitor Leal, conquistou o prêmio de mil reais, podendo contribuir diretamente com metade do seu prêmio para impactos positivos e melhorias ao Basquete de Queimados, um dos projetos sociais que o Payback apoiou.

 

 Assim como o projeto da CBF Social Gol do Brasil, o Payback visa continuidade e expansão pois almejamos gerar o maior impacto positivo possível na sociedade. Cumprimos cinco Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, assim como outros projetos apoiados pela ONU:

 

Objetivo 3: Saúde e bem-estar

Objetivo 5: Igualdade de gênero

Objetivo 8: Trabalho decente e crescimento econômico

Objetivo 10: Redução das desigualdades

Objetivo 11: Cidades e comunidades sustentáveis

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Please reload

Voltar para o início